ENTREVISTA EXCLUSIVA

Entrevista: Medina Club fala sobre carreira e lançamento com Brzln Air

Juntos os artistas acabam de lançar um remix de faixa do The Strokes.

.

Foto: Divulgação

.

Projeto fresquinho na área de música eletrônica, Medina Club traz um ar pop e descolado com seu segundo lançamento, desta vez em parceria com Brzln Air.

A despeito de ser um projeto novo, Medina Club é fruto de anos de experiência do artista atrás dos decks que agora culmina na sua segunda música autoral.  A primeira foi “Dance Where You Are”, lançada e distribuída pela gravadora Som Livre e que contou ainda com clipe produzido pela Paradise Music com direção de Lil T. O artista vem chamando a atenção da imprensa especializada no Brasil com matérias publicadas no PLAY BPM e DJ Mag Brasil – que você vê no decorrer desta matéria. Agora Medina Club apresenta O remix da faixa At The Door, co produzida pelo DJ e produtor musical de Curitiba, Duda Rezende, responsável pelo projeto Brzln Air. Com lançamentos importantes como o EP de quatro faixas Classic Night, pelo selo Austro, seguido de “Detroit” um single em vinil pelo selo Easy Tiger Rercords, com direito a premiere na Red Light Radio de Amsterdam, o cara sabe o que está fazendo e nessa parceria com Medina Club, juntos, acertaram a mão.

Para saber mais sobre o lançamento, do projeto Medina Club e essa conexão Rio de Janeiro – Curitiba, o TUDOBEATS bateu um papo exclusivo com o artista que você confere aqui, mas primeiro vamos curtir o remix da faixa At The Door

.

.

TUDOBEATS: Antes de qualquer coisa, quero te parabenizar pelo teu projeto Medina Club, e gostaria que começasse comentando o processo de produção desse remix do The Strokes, a faixa At The Door, que contou com a colaboração do BRZLN Air.

.

Obrigado a vocês do Tudobeats pelo convite e por trazer sempre informação de qualidade sobre música para a galera. Vamos lá…. Essa faixa foi um remix produzido em parceria entre o BRZLN AIR, projeto do meu amigo DJ/Produtor Duda Rezende, com oMedina Club . Antes da pandemia eu estava pelo Paraná e então resolvi visitar o amigo em sua casa. Em dado momento, entre um papo e outro, comentamos sobre o novo disco do The Strokes (banda que eu me amarro) e o colocamos para tocar. Eis que ouvimos a faixa “At The Door”, e na mesma hora imaginamos que aquela track poderia ter uma versão remix para deixá-la numa roupagem mais dançante. Quando nos demos conta, já estávamos colocando a mão na massa para tornar isso possível.

.


TUDOBEATS: O que levou a escolha dessa música do The Strokes para vocês remixarem?

.

Tudo ocorreu de uma forma muito natural. A pretensão da minha visita era apenas rever o Duda (meu amigo há mais de 10 anos, profissional que admiro e com quem já discotequei em eventos tanto no Rio de Janeiro/RJ, quanto em Curitiba/PR) e botar o papo em dia. Foi coisa de ouvir o som novo dos caras e bater um “feeling” de que poderiam entrar alguns elementos naquela faixa. Sentimos que faltava algo como uma batida para deixá-la em um formato mais interessante para as pistas de dança, e então começaram os trabalhos.

.


TUDOBEATS: Tem toda uma história junto com esse trabalho, né? Verdade que a capa foi feita na Rússia?

Logo após o início dessa parceria no remix, veio esse lance de pandemia, COVID, isolamento social e etc, então a finalização dessa track acabou sendo feita através de conversas on-line, vídeo-chamadas e coisas do tipo entre eu e o Duda.  Esse é o primeiro remix do
Medina Club , e o projeto ser com o Duda e o BRZLN AIR, tornou isso ainda mais especial para mim. Inclusive o
Medina Club tem um single autoral em processo de desenvolvimento que conta com a produção do Duda. Mais pra frente vocês terão a oportunidade de conferir esse som também.

Sobre a capa, sim, foi feita por uma artista russa. Fiquei muito contente com a parceria e o resultado final.  A bela ilustração da capa desse remix é desta artista: www.instagram.com/imyournelly.

.

TUDOBEATS: Como você descreveria o som do Medina Club em uma frase?

.

Definir o próprio som, a própria arte, é algo muito complexo. O que eu posso afirmar é que são diversas as influências que inspiram o trabalho do
Medina Club , e elas vão desde o synthpop 80s, dance 90´s, house, até o indie e o synthwave. Gosto muito desses sons que mencionei, mas busco meu próprio caminho e originalidade também ao compor minhas letras e arranjos.

.

O Play BPM recentemente destacou o trabalho de Medina Club

.

TUDOBEATS: Tá certo, realmente rotular para que né? Agora vem cá! Sabemos que além de novas composições você também está produzindo o primeiro show do seu projeto Medina Club. Pode contar mais sobre como vai ser?

.

Bem, esse período de quarentena adiou e alterou um pouco o planejamento de muitos artistas, inclusive o meu. Se você me perguntasse alguns meses atrás como eu me imaginaria em julho de 2020, eu certamente iria responder que bem diferente da minha rotina nesse momento onde as boates, clubs e bares se encontram fechados, e eu, em casa. Até antes dessa pandemia, eu imaginava que a essa altura eu estaria rodando por diversas casas do Rio de Janeiro e de outras capitais brasileiras com o show do
Medina Club

Essa apresentação, que eu não vejo a hora de colocar na pista (quando as condições sanitárias mundiais assim permitirem, claro), consistirá em Live Sets onde além de mixar, cantarei algumas faixas e tocarei instrumentos como guitarra e synth ao vivo, em um show dinâmico, eletrizante e dançante, abordando diversas das influências citadas na pergunta acima. No repertório estarão músicas autorais como o single de estréia “Dance Where You Are” (cujo clipe ultrapassou os 50.000 views no Youtube), remixes e tracks de alguns artistas como Daft Punk, Capital Cities, Justice, The Weeknd entre outros, mas sem esquecer do rock e do indie, que tanto me influenciaram e ainda influenciam desde muito novo, e claro, do house para balançar a galera.

.

Veja Medina Club em destaque na DJ Mag Brasil

.

TUDOBEATS: Quando teremos o próximo lançamento do Medina Club?

O próximo lançamento sonoro autoral do
Medina Club provavelmente será uma faixa que já está sendo produzida tem um tempo junto ao amigo, DJ/Produtor paranaense Duda Rezende. Não sei apontar uma data exata para que esse som saia, mas eu tenho certeza que quem curtiu o 1º single do projeto, tem tudo para se amarrar nessa faixa também, pois ela é bem dançante e tem uma pegada indie. Também venho trabalhando em algumas versões de artistas que me influenciam, e remixes de composições de outros projetos musicais meus que eu pretendo trazer para a estética sonora do Medina Club. Tenho também, nesse período de quarentena, escrito algumas coisas. O melhor jeito de saber quando sairão faixas novas, é acompanhando as redes sociais do projeto. As notícias virão de lá! rs

.

TUDOBEATS: Curiosidade: Você é irmão do Bruno Medina, tecladista do Los Hermanos. Podemos esperar um remix oficial do Los Hermanos a caminho?

.

A minha relação com os Los Hermanos é muito intensa e antiga, afinal de contas, o meu irmão é um dos integrantes da banda e eu pude acompanhar desde muito novo todos os passos da carreira dos caras, que já chegaram a se reunir no quarto ao lado ao meu e jogar GTA no meu Playstation 1 quando eu era criança! Rs

Curiosidades à parte, foi justamente vivenciando momentos como shows, bastidores, camarins e o desenrolar de toda a carreira deles, que acabei despertando o meu lado musical. Tenho vontade sim de em algum momento homenagear esse grupo tão importante para a minha vida e formação musical de alguma forma. Quem sabe mais pra frente rola um remix? Uma versão mais “pista de dança” de alguma faixa? Sei lá… Vamos ver! Rs

Muito bem! Muito obrigado a todos que leram até aqui, acompanhe também o Medina Club nas Redes Sociais!

InstagramFacebookYou TubeSoundCloud

.

.

“Escolhemos as músicas e artistas que gostamos, divulgamos os projetos em que acreditamos. “

“A cultura eletrônica e o mundo do entretenimento vistos através de artigos, matérias e entrevistas com artistas, produtores e diversos profissionais chave do Brasil e do Mundo.”

.

TUDOBEATS é uma marca da NZPR.

.

Relações Públicas para a Indústria do Entretenimento





As mais lidas

To Top