ENTREVISTA EXCLUSIVA

Entrevista exclusiva: PillowTalk falou com o Tudobeats antes do show no Kubik Curitiba!

Os americanos do PillowTalk tem um longo relacionamento de amor com o público brasileiro. Suas músicas ‘easy listening’ são suaves, divertidas, dançantes, perfeitas para pista de dança. Para completar, o grupo tem muito carisma e está cheio de novidades. Novo selo, novo álbum, novo single… Sobre estas novidades e sobre o show na inauguração do pop-up club alemão, Kubik, com a fetsta Supercool, em Curitiba, o TUDOBEATS bateu um papo exclusivo com Michael Tello, um dos responsáveis pela mágica do PillowTalk.

.

Michael Tello, do PillowTalk – Foto: Divulgação

.

TUDOBEATS: Antes de qualquer coisa, muito obrigado por dedicar um pouco do seu tempo para conversar com o TUDOBEATS! É uma imensa satisfação poder entrevistar um artista que admiramos tanto. Além do sucesso do PillowTalk como grupo musical, agora vocês também vão lançar um selo. Conte-nos sobre o “PillowTalk Music.

Nós lançamos músicas desde 2011 em selos como Visionquest, Life and Death, Wolf + Lamb, Crew Love e agradeço a oportunidade de ter tido tanto sucesso em fazê-lo. É importante para nós, uma banda, continuarmos a expandir o time e nossos negócios. Eu trabalhei para muitas gravadoras e cuidei do meu próprio selo, o Touch Of Class, por cinco anos. Há muitas coisas boas e ruins que aprendi de cada um dos nossos lançamentos nesses selos, assim como nos lançamentos do meu próprio selo. O negócio da música está constantemente em movimento é realmente trabalhoso. Assim, o objetivo principal de criar o selo é ter o controle criativo de todas as fases; fazer nossas masterizações, publicando e rentabilizando nosso catálogo. Nós também temos outros projetos paralelos, artistas e amigos que gostaríamos de lançar pela nossa nova marca.

.

TUDOBEATS: É com certeza uma ótima notícia! E com essa indústria, sempre em movimento imagino que vem mais novidades por aí… Conta um pouco pra gente?

Além de iniciar este novo trabalho com o selo PillowTalk Music, estou construindo meu “estúdio dos sonhos”, no Brooklyn, em Nova Iorque. Ele servirá como o estúdio do PillowTalk para gravação e mixagem, assim como um lugar onde meus parceiros e eu podemos ensinar a arte de discotecar e produzir música para crianças através do nosso projeto MAPA (Music and Arts Peace Academy). Estamos planejando uma grande turnê mundial para o nosso novo álbum, a ser lançado em 2018, que chegará as lojas online e serviços de streaming no dia 20 de abril, juntamente com um segundo single a ser lançado logo após, no dia dos Namorados (dos Estados Unidos).

E tem mais! Em setembro de 2017, estreamos o live show do PillowTalk, com sete pessoas, num terraçao no Brooklyn. Essa apresentação incluiu o Sammy D (vocais principais), Michael Tello (percussão, sintetizador, engenheiro, Teclado e vocais), Ryan Williams (Teclado, Baixo, Guitarra, Vocoder), Derrick Boyd também conhecido como Tone Of Arc (Baixo e Guitarra), Shane Duryea (Teclado, Sintetizadores, segunda voz), Hannah Noelle (segunda voz) e Greg Paulus (Trompete). Esta é uma das nossas maiores realizações para poder tocar o nosso novo álbum totalmente ao vivo. Normalmente, mixamos cada música como um DJ set, para manter o fluxo, mas desta vez optamos por parar entre cada música – como um show de banda mesmo – e apresentar cada música do início ao fim. Nos divertimos muito criando tudo isso e estamos empolgadíssimos para compartilhar este novo show com o mundo todo em breve!

.

TUDOBEATS: Cada um de vocês mora numa cidade. Qual impressão da cena House Music destas cidades?

Eu moro no Brooklyn, em Nova Iorque. Sammy mora em Tulum, no México e Ryan está em San Francisco ainda. Cada cidade tem sua própria magia. House Music é forte e viva em todas as cidades.

.

TUDOBEATS: Recentemente vocês lançaram um single, “Hold Me Down”. Como foi o processo criativo desta nova faixa?

Nosso novo single, “Hold Me Down”, foi originalmente escrito como uma track instrumental e é tão moderna – mas com uma vibe clássica e alternativa – que não tínhamos certeza se ela se encaixaria no álbum…

Em uma sessão de estúdio, abrimos a música e Sammy começou a criar melodias livremente sobre ela e assim surgiu uma letra profunda e bem bonita… Aí Ryan, Sammy e Shane começaram a montar a estrutura da música enquanto eu mixava a track e criava o arranjo… Somos grandes fãs do Depeche Mode, OMD e New Order então esse som surgiu naturalmente e ficou ótimo com o barítono de Sammy. Pensamos nisto como “Home Sick Part 2”, do nosso primeiro álbum “Je Nes Sais Quoi”. Igualzinho, mas diferente, sabe? (rs) O single contém um Original Mix, um Extended Mix e uma Acapella para que nossos fãs toquem e façam suas próprias versões. É uma espécia de retorno as nossas origens estilo Maxi Single.

O lançamento digital do novo single vai rolar na sexta-feira, 15 de dezembro, em todo o mundo pelas lojas online e serviços de streaming. Fiquem ligados.

.

.

TUDOBEATS: Muito bacana esse relato! Estamos todos curiosos com os resultados dessa experiência toda. Agora falando sobre o show na inauguração do pop-up club alemão, Kubik, em Curitiba, o que você pode contar para os fãs?

Estou sempre animado para voltar à Curitiba com a crew do Club Vibe. Eles não apenas organizam as melhroes festas e festivais do Brasil, mas também são grandes amigos e nos tratam sempre como parte da família. É isso que é o PillowTalk! O público de Curitiba pode ter certeza que vai conhecer algumas faixas do novo álbum, assim como de alguns projetos inéditos de Michael Tello que tenho trabalhado em estúdio. Nesse sentido, vamos ver a “vibe” da festa e sentir onde essa energia me leva. Vejo vocês na pista!

.

Sexta feira, dia 1 de Dezembro de 2017 PillowTalk se apresenta na inauguração do pop-up club alemão, Kubik, em Curitiba, junto de Young Marco, Biel, Dani Souto e Phil Mill,

.

Conheça mais sobre o PillowTalk

FacebookSoundcloud PillowTalk website

.

Image may contain: text

 



As mais lidas

To Top